sexta-feira, 17 de março de 2017

Pensamentos

”Perturbai-vos e não pequeis; falai com o vosso coração sobre a vossa cama, e calai-vos.
Oferecei sacrifícios de justiça, e confiai no Senhor.”SL 4;4-5

Enquanto meditava, fui percebendo o tesouro escondido nessas palavras.
Jamais viveremos sem as dificuldades, sem os desertos ou sem aqueles momentos que sugerem injustiça pela forma como os fatos se apresentam. Meditando nesses versículos, pensei, o que seria de mim, se não fossem esses obstáculos na caminhada de fé? O que seria de mim se não enfrentasse dificuldades? Por que são nesses momentos que posso colocar à prova minha fé, se confio ou duvido de Deus. E essa Palavra me fez ver mais profundamente. Sim, posso viver uma situação que por um momento pareça sem solução, porém, o que não posso jamais, é cometer o pecado de descrer e pensar que aquele problema vai subsistir. Se tenho a Deus para clamar e receber diretamente dEle a direção certa, então, neste caso, não há espaço para inseguranças! Eu devo ficar em silêncio e confiar em Deus, crer e confiar. Então, quando a dor vier apertar e perturbar o coração(e ela sempre vem), devo ordenar e calar meu coração, pois somente eu controlo minhas emoções. 

O melhor momento para esta batalha de sentimentos, é no meu quarto, antes de descansar. Entendi que, não posso dormir, não posso relaxar, baixar a guarda ou desconsiderar o que aquele dia me trouxe, sem antes me resolver por dentro. O passo seguinte é a confirmação dessa fé, o sacrifício. Fiquei pensando…”Oferecer a Deus sacrifícios de justiça”…, a justiça é retidão, tudo que é certo, e ficou claro para mim que, dar sacrifícios de justiça a Deus, é sacrificar minha vontade oferecendo diariamente a minha obediência à Sua Palavra. Sacrifícios de justiça é ser correta e justa na hora de agir, é praticar a fé que aprendi e confiar quando tudo está turbulento. 

O exemplo dos homens e mulheres de Deus na Bíblia, esclarece, viveram momentos de exaustão física e espiritual, as grandes tribulações que enfrentaram, o exemplo do nosso líder Bp Macedo, seus dias de dores, injustiças… mas ainda assim, nenhum deles, jamais deixou de confiar na provisão de Deus e venceram seus temores interiores. Assim como eu tantos outros continuam vencendo, porque conheceram a Deus intimamente e isso bastou-lhes para confiarem e sem medo agirem pela fé na hora que o dia mal chegasse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Últimas