quinta-feira, 19 de março de 2015

Jogos das Águas terá a participação de alunos dos Centros Olímpicos


Jogos das Águas terá a participação de alunos dos Centros Olímpicos
Evento no Parque da Cidade comemora Dia Mundial da Água, no domingo, 22

Acontece no próximo domingo (22), a partir das 8h, no estacionamento 7 do Parque da Cidade, a Corrida e Caminhada das Águas. Realizado pela Agência Reguladora de Águas (ADASA) e apoiado pela Secretaria do Esporte e Lazer, o evento faz parte das comemorações do Dia Mundial da Água e tem como objetivo alertar a população e o Governo para a urgente necessidade de preservação da água.

Paralelamente à corrida, cerca de 440 alunos, entre 12 e 15 anos, das onze unidades dos Centros Olímpicos e Paralímpicos vão participar dos Jogos das Águas. Haverá torneios nas modalidades de basquete, vôlei e futsal. As categorias respeitarão o sistema de disputa de eliminatória.  Haverá medalhas para o 1º, 2º e 3º colocados. Os demais receberão medalhas de participação e colete que será usado na disputa dos jogos.

A parceria entre a Adasa e a Secretaria do Esporte e Lazer, nos Jogos das Águas, visa proporcionar aos alunos um momento de esporte, a conscientização da sustentabilidade, meio ambiente e a confraternização entre os participantes do evento.

Dia Mundial da Água - Este ano, o Dia Mundial da Água, marca o fechamento da Década Internacional para a ação “Água, fonte de vida”, proclamada por meio de resolução pela Assembleia Geral das Nações Unidas (AGNU), em 2005.

Na resolução constam objetivos acordados internacionalmente sobre questões ligadas à água contidos na Agenda 21 e nos Objetivos do Milênio das Nações Unidas.

Serviço:
Jogos das Águas
Data: 22/03/2015
Hora: 8h às 12h
Local: Parque da Cidade - estacionamento 7 

sexta-feira, 13 de março de 2015

A crise financeira é uma crise de credibilidade



Reverter a crise de confiança no Brasil, depende de uma mudança completa nas atitudes e prioridades da política econômica. Pode ser que o governo Dilma não esteja preparado para esta difícil tarefa, disse o ex-presidente do Banco Central, Armínio Fraga.

A entrevista foi concedida para a Revista Veja, na edição 2415 de nº 9, de 04 de março de 2015,  e traz relatos de que a economia do Brasil está perdendo a sua credibilidade. “As chances de recuperar a confiança dos investidores no país são pequenas porque essa situação foi construída pelo mesmo grupo que está no poder”, afirma Fraga. Para ele, esses assuntos estão sendo conduzidos de forma equivocada. O modelo atual está fadado ao fracasso.

De acordo com o ex-presidente do Banco Central, o governo petista deveria mudar de atitudes, pois não há convicção das ações realizadas. “E os resultados estão aí: É um modelo que não tem investimento, crescimento nem aumento de produtividade”, disse.

Durante a entrevista, Fraga comenta que trazer o Ministro Joaquim Levy não representou mudança para o setor. “Foi positivo, mas o ministro está muito isolado. Seu trabalho está concentrado apenas na questão fiscal e a economia brasileira necessita de muito mais. Precisamos mudar o rumo em quase tudo. É uma agenda extensa. Por exemplo, na reforma tributária, é preciso destravar o investimento em infraestrutura e modificar o funcionamento do mercado de credito, atacando a presença maciça dos bancos públicos”, explicou.


quarta-feira, 11 de março de 2015

Campeonato de Futebol feminino terá representantes brasilienses


Campeonato de Futebol feminino terá representantes brasilienses
Cerca de 18 jogadoras da modalidade de futebol embarcaram hoje rumo à Balneário Camboriú (SC), para participar do 7º Campeonato Brasileiro Escolar de Futebol de Campo Feminino. As atletas que formam a equipe do Colégio Certo, foram beneficiadas pelo Programa Compete Brasília e disputarão o torneio que acontece no dia 13 de março.
A secretária do Esporte, Leila Barros, afirmou que o intuito é beneficiar o maior número de modalidades possíveis dentro das exigências do Programa. “Vamos trabalhar para que os nossos atletas levem o nome de Brasília para fora da cidade e do país”, disse.
Thaynne Helena da Silva de 16 anos é estreante no Compete e afirma que o incentivo é fundamental para o fomento da modalidade no DF. “É a primeira vez que viajo pelo programa, acho a iniciativa muito interessante porque incentiva as meninas a se dedicarem mais ao esporte, pois infelizmente a nossa sociedade ainda é preconceituosa com o futebol feminino”, ressaltou.

Para o treinador da equipe, atual campeã de futsal feminino de Brasília, Marcos Carvalho, o Compete Brasília propõe uma excelente oportunidade para as jogadoras em vários sentidos.
“O programa contribui para a vida dessas garotas, pois a maioria delas são tiradas da periferia, ganham bolsas e viajam para competir fora da sua cidade. E sem o Compete Brasília nós teríamos talentos desperdiçados porque nenhuma atleta desta poderia conhecer uma nova cidade, uma nova cultura e mostrar o seu talento. Além disso, neste campeonato a técnica da seleção brasileira estará observando as meninas e elas poderão se profissionalizar”, afirmou.

sexta-feira, 6 de março de 2015

Marcha Atlética é beneficiada pelo Compete Brasília



Graças ao programa, 15 esportistas irão representar o DF na Copa Brasil

(Brasília 6/3/2015) - O Programa Compete Brasília beneficiou, esta semana, aproximadamente 15 esportistas da marcha atlética, que irão à Blumenau (SC), participar da Copa Brasil da modalidade. O torneio tem o objetivo de revelar talentos para a seleção brasileira, que disputará a Copa Panamericana de Marcha Atlética.

Para a secretária do Esporte, Leila Barros, a retomada do programa significa ver sonhos se realizando. “Este programa é fundamental na vida de um atleta. O nosso intuito é aperfeiçoa-lo cada vez mais porque, por meio dele, vimos sonhos se realizarem; o amador de hoje pode ser o campeão de amanhã”, afirmou.

O Compete Brasília, programa criado pela secretaria do Esporte, tem o objetivo de incentivar a participação de atletas de alto rendimento e das mais diversas modalidades em campeonatos nacionais e internacionais. O apoio é feito por meio de concessão de passagens aéreas e/ou terrestres.

Caio Sena, 23 anos, considerado o melhor da América Latina em atletismo, destaca que o Compete Brasília é um programa de extrema importância para o esporte. “Minhas principais viagens e onde obtive os melhores resultados foram realizadas pelo programa, o que me trouxe uma tranquilidade enorme para viajar e competir. Nessas Olimpíadas, quero ganhar a medalha olímpica e popularizar a marcha atlética no Brasil”.

O treinador do Programa Futuro Campeão, João Sena, ressaltou que o objetivo é ganhar dez medalhas durante a realização do campeonato. “Este ano queremos atingir os melhores resultados e bater o nosso recorde. Sem o ônibus oferecido pelo programa Compete Brasília, nós não iríamos à competição. Por isso, considero este projeto de suma importância”, finalizou.

Últimas